Veco Noticias

São Paulo conta com a venda de Helinho ao RB Bragantino no final do ano

Com a necessidade de fazer caixa para equilibrar os cofres, o São Paulo sabe que ainda terá que vender jogadores nesta temporada. Dentre as alternativas, o Tricolor conta com a venda de Helinho ao Red Bull Bragantino no final de 2021.

O meia-atacante está emprestado ao clube de Bragança Paulista até dezembro deste ano. Quando o negócio foi fechado, o Massa Bruta desembolsou R$ 2,6 milhões pelo empréstimo. Daqui a quatro meses, ainda depositará na conta do clube do Morumbi um valor adicional de R$ 1 milhão.

Quando as duas partes fecharam o acordo, ficou definido em contrato que o RB Bragantino teria a opção de compra de Helinho. O clube do interior tem a possibilidade de adquirir 60% ou 70% dos direitos econômicos do jogador revelado por Cotia, com valores que variam de forma proporcional.

Internamente, o São Paulo já tem conhecimento do interesse do Massa Bruta em comprar o atleta em definitivo. Em entrevista ao GE nesta semana, o diretor de futebol Carlos Belmonte afirmou: “O RB Bragantino também já disse que deve adquirir o Helinho, deve dar na casa de R$ 22 milhões a R$ 23 milhões”.

Até o momento, o único jogador vendido pelo São Paulo em 2021 foi Brenner. O FC Cincinnati desembolsou 13 milhões de dólares para adquirir o atacante, com um cláusula de que terá que pagar mais dois milhões de dólares quando o atleta completar dez partidas. Ao todo, a operação renderá cerca de R$ 80 milhões ao Tricolor, valor esse que corresponde a 46% dos R$ 176 milhões previstos no orçamento a partir de vendas de ativos do clube.

Apesar de não ter se firmado no São Paulo, Helinho mostrou que pode ser fundamental no RB Bragantino. Jogando pela ponta-esquerda, rapidamente assumiu a titularidade do time comandado por Maurício Barbieri. Enquanto o meia-atacante marcou dois gols em 35 partidas pelo Tricolor, já balançou as redes três vezes em 15 jogos pelo Massa Bruta.

Rolar para cima