Veco Noticias

Ponta Grossa abre agendamento para trabalhadores da educação receberem vacina contra a Covid-19


Aplicações começam na segunda-feira (17). Agendamento também está disponível para pessoas com comorbidades entre 53 e 59 anos. Vacina contra Covid-19 no DF
TV Globo / Reprodução
Ponta Grossa, nos Campos Gerais do Paraná, abriu nesta sexta-feira (14) o agendamento para trabalhadores da educação receberem a primeira dose da vacina contra a Covid-19.
Segundo a prefeitura, o grupo abrange todos os funcionários de instituições de ensino que atuam no ensino infantil, fundamental e médio. Não haverá vacinação para professores de ensino superior.
As aplicações serão feitas a partir de segunda-feira (17) no Centro de Eventos da cidade, em formato drive-thru, das 9h às 15h.
Clique aqui para fazer o cadastro
O sistema de agendamento fica aberto até 22h de domingo (16).
Também das 9h às 15h, mas na Estação Arte, serão vacinados as gestantes e mulheres que tiveram filho recentemente, com pelo menos 18 anos, além de pessoas com comorbidades entre 53 e 59 e os pacientes com Síndrome de Down, também a partir de 18 anos.
Veja, mais abaixo, a lista de comorbidades definidas como prioritárias.
Para receber o imunizante, o grupo também deve fazer agendamento pela internet.
Vacinação na terça (18) e quarta-feira (19)
Segundo a prefeitura, na terça-feira (18) e na quarta-feira (19) a vacinação será feita apenas para trabalhadores da educação, entre 55 e 59 anos, e para as pessoas com comorbidades entre 53 e 59 anos.
As aplicações ocorrerão na Estação Arte e no Restaurante Popular.
Também é necessário agendamento. Neste caso, para receber vacina a partir de terça, é necessário realizar agendamento na segunda-feira, a partir das 8h.
Lista de comorbidades consideradas prioritárias
Conforme a prefeitura, são consideradas comorbidades prioritárias:
Pessoas com Síndrome de Down, de 18 a 59 anos;
Pessoas com doença renal crônica em terapia de substituição renal (diálise) de 18 a 59 anos;
Gestantes e puérperas com comorbidades, independentemente da idade de 18 a 59 anos;
Pessoas com Deficiência Permanente cadastradas no BPC de 55 a 59 anos;
Pessoas com comorbidades de 55 a 59 anos;
Comorbidades incluídas como prioritárias para a vacinação contra a covid, que constam no Plano Estadual de Vacinação contra a Covid-19 e incluem:
Diabetes Mellitus – podem levar uma cópia da última receita (data de até 6 meses) para ficar retida para comprovação;
Pneumopatia crônica grave;
DPOC;
Fibrose cística;
Fibroses pulmonares;
Pneumoconioses;
Displasia broncopulmonar;
Asma grave;
Hipertensão Arterial Resistente;
Em uso de mais de três ou mais anti-hipertensivos;
H.A. estágio 3, independente de Lesão em órgão alvo ou comorbidade;
H.A. est 1 ou 2 na presença de Lesão em órgão alvo e/ou comorbidade;
Doenças cardiovasculares;
Insuficiência cardíaca;
Cor-pulmonale e hipertensão pulmonar;
Síndromes coronarianas;
Síndromes coronarianas
Valvopatias;
Miocardiopatias e pericardiopatias;
Doença da aorta dos grandes vasos;
Arritmias cardíacas;
Cardiopatias congênitas no adulto;
Próteses valvares e dispositivos valvares implantados;
Doença cerebrovascular;
AVE isquêmico ou hemorrágico;
Acidente Isquêmico Transitório;
Demência vascular;
Doença renal crônica;
DRC estágio 3 ou mais;
Síndrome nefrótica;
Obesidade mórbida;
Cirrose hepática;
Cirrose hepática Child-Pugh A, B ou C;
Imunossuprimidos;
Indivíduos transplantados de órgão sólido;
Indivíduos transplantados de medula óssea;
Indivíduos em uso de imunossupressores;
Imunodeficiência primárias;
Pacientes oncológicos que realizaram quimioterapia ou radioterapia nos últimos 6 meses;
Neoplasias hematológicas;
Pessoas vivendo com HIV e/ou pulsoterapia e/ou ciclofosfamida;
Anemia falciforme;
Talassemia.
Veja mais notícias da região em G1 Campos Gerais e Sul.

Rolar para cima