Veco Noticias

Instituto de Biologia Molecular do Paraná desenvolve teste rápido para detectar Covid-19


Resultado fica pronto em 15 em minutos; o teste já foi aprovado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), e a produção comercial deve começar nas próximas semanas. IBMP desenvolve teste rápido que detecta Covid-19
Um teste desenvolvido no Paraná para detectar o novo coronavírus foi aprovado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) nesta semana. Ele é mais rápido, mais barato e pode ser usado no controle da pandemia.
O teste do Instituto de Biologia Molecular do Paraná (IBMP) foi desenvolvido em Curitiba, em quatro meses. O resultado fica pronto em 15 em minutos.
“Nós precisamos saber com rapidez, e o teste rápido antígeno tem potencial de 15 minutos depois que você faz o teste, você sabe se é positivo ou negativo e pode se isolar. Fazendo isso, a gente tem um impacto muito grande para a pandemia. Se a gente conseguir fazer isso, testar, isolar as pessoas, a gente consegue impedir a transmissão”, disse Fabrício Marchini, gerente de desenvolvimento tecnológico do IBMP.
Instituto de Biologia Molecular do Paraná desenvolve teste rápido para detectar Covid-19
Reprodução/RPC
COVID-19: Veja as principais notícias
ACOMPANHE: Média móvel de mortes e casos no estado
VACINAÇÃO: Veja perguntas e respostas
O Paraná chegou a 942.038 casos confirmados do novo coronavírus e 22.254 mortes causadas pela Covid-19, de acordo com boletim da Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) desta sexta-feira (30).
A produção comercial do teste do Instituto de Biologia Molecular do Paraná deve começar nas próximas semanas.
“Nós já perdemos 400 mil vidas no Brasil, já tivemos um prejuízo imenso, mas existem mais vidas que podem ser perdidas e mais prejuízo econômico. Então, a testagem em massa pode ajudar a minimizar os futuros prejuízos”, afirmou o infectologista Renato Grinbaum.
Teste já foi aprovado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa)
Reprodução/RPC
VÍDEOS: Pandemia da Covid-19 no PR
Veja mais notícias do estado no G1 Paraná.

Rolar para cima