Veco Noticias

Com um a menos, Bahia empata com o Goiás dentro da Fonte Nova

O Bahia recebeu a visita do Goiás hoje (18) na Arena Fonte Nova, em partida válida pelo Campeonato Brasileiro, e precisou suar a camisa para conquistar empate por 1 a 1. O time do técnico Roger Machado jogou com um jogador a menos desde o início do primeiro tempo, após expulsão do lateral-esquerdo Moisés.

Com 10 jogadores em campo, o Bahia até incomodou o Goiás no primeiro tempo, mas viu o Esmeraldino abrir o placar com Sanches, de cabeça. No segundo tempo, pressionou o rival, que limitou-se a se defender, e conseguiu empate com gol de Guerra, seu primeiro com a camisa do Bahia.

Com o empate, o Bahia chegou aos 21 pontos e assumiu a décima colocação. Na próxima rodada, a equipe enfrenta o Atlético-MG, no sábado (24), no Independência. Já o Goiás, com 18 pontos, é o 12º colocado do Brasileirão, e enfrenta o Internacional, no domingo (25), no Serra Dourada.

Em sua terceira partida com a camisa do Bahia, Guerra, emprestado pelo Palmeiras, mudou o rumo do jogo, anotando gol de empate do time da casa. Além de inflamar a torcida, que passou a apoiar ainda mais o clube, Guerra também melhorou a produção ofensiva da equipe.

Um dos jogadores mais participativos do Bahia, o lateral-esquerdo Moisés foi expulso logo aos seis minutos do primeiro tempo, após falta dura e desnecessária em Jean Carlos, fazendo com que sua equipe ficasse com um jogador a menos e se complicasse em campo.

O Bahia entrou em campo com time ofensivo, com três jogadores no ataque e Lucca, atacante de origem, apoiando o meio de campo. O plano traçado pelo técnico Roger Machado, porém, teve um desvio após a expulsão de Moisés com apenas seis minutos de jogo. Com um a menos, o Bahia ainda teve maior posse de bola e finalizou mais que o Goiás no primeiro tempo, mas, quando estava melhor em campo, viu o rival abrir o placar e crescer na partida. No segundo tempo, após a entrada de Guerra, encurralou o Goiás e conseguiu empate com o meio-campista.

No segundo jogo de Ney Franco à frente do Goiás, o treinador viu a expulsão de Moisés ajudar seu time no primeiro tempo. Mesmo com um a mais, a equipe esmeraldina demorou para se organizar, e só conseguiu seu primeiro arremate perigoso ao gol de Douglas com o cabeceio certeiro de Fabio Sanches para abrir o placar. O bom momento do Goiás não durou até o segundo tempo, com a equipe se fechando e dando mais espaços para o Bahia. Pagou o preço de ter apostado em sua defesa e sofreu gol de Guerra.

Artilheiro do Bahia no ano, o centroavante Gilberto, que vive grande fase, sentiu dores no aquecimento e foi cortado do duelo. Com seu principal jogador fora e a expulsão repentina de Moisés no início do jogo, o Bahia passou a jogar com um a menos. Com duas linhas de quatro jogadores, os baianos tiveram mais posse de bola e finalizações no primeiro tempo, com Lucca e Artur exigindo trabalho do goleiro Tadeu. No primeiro arremate do Goiás no jogo, o time abriu o placar com Sanches. O Bahia só conseguiu voltar a equilibrar o jogo após Roger realizar mudança ousada, tirando o lateral Ezequiel e colocando o meia Guerra. A posse de bola voltou para os donos da casa, que aproveitaram e chegaram ao gol de empate em jogada bem trabalhada. No fim, as duas equipes, com espaço, apostaram em chutes de fora da área, mas tanto Artur, do Bahia, quanto Marlone, do Goiás, mandaram para fora.

FICHA TÉCNICA BAHIA 1 X 1 GOIÁS

Data e hora: 18/08/2019 (domingo), às 16h (de Brasília)
Local: Arena Fonte Nova, em Salvador (BA)
Competição: Campeonato Brasileiro, 15ª rodada
Árbitro: Raphael Claus (SP) Auxiliares: Rodrigo Figueiredo Henrique Correa (RJ) e Daniel Luis Marques (SP)
Árbitro de Vídeo: Vinicius Gonçalves Dias Araujo (SP)
Cartões amarelos: Ezequiel e Guerra (Bahia); Jean Carlos, Marcelo Hermes e Yago Felipe (Goiás)
Cartão vermelho: Moisés (Bahia)
Gols: Fabio Sanches, aos 33’/1ºT (Goiás); Guerra, aos 25’/2ºT

BAHIA

Douglas Friedrich; Ezequiel (Guerra), Lucas Fonseca, Juninho e Moisés; Flávio, Ronaldo e Lucca (Arthur Caike); Élber (Giovanni), Artur e Fernandão T.: Roger Machado

GOIÁS

Tadeu; Yago Rocha, Rafael Vaz e Fábio Sanches; Marcelo Hermes, Yago Felipe, Jean Carlos (Marlone) e Jefferson; Leandro Barcia (Renatinho), Rafael Moura e Michael (Giovanny) Técnico: Ney Franco

Folhapress

Separamos Para Você

Rolar para cima