Veco Noticias

Impeachment de Marito passa na Câmara, mas deve ser barrado no Senado

A Câmara dos Deputados do Paraguai iniciou nesta quinta-feira (1) um julgamento político para cassar o mandado do presidente Mario Abdo Bentez (Marito), acusado de modificar o acordo de compra de energia de Itaipu sem autorização do Congresso Nacional. Os deputados também devem pedir a destituição do vice-presidente, Hugo Velázquez.

Na noite de quarta-feira (31), um grupo de deputados anunciou votos suficientes para iniciar o processo de impeachment já nesta manhã. Na noite de quarta-feira (31) Marito se reuniu com deputados governistas na tentativa de barrar o processo.

Na manhã de ontem, em entrevista a Rádio ABC Cardinal, de Assunção, o senador colorado Silvio “Beto” Ovelar, disse que o impeachment não tem votos suficientes no Senado Nacional. “O processo democrático vai continuar no Paraguai, não há votos no Senado”, disse.

Rádio Cultura Foz

Separamos Para Você

Rolar para cima