Veco Noticias

Câmara absolve vereador de Marechal Cândido Rondon

Foram seis favoráveis, três contrários e quatro nulos

 

O pedido de cassação do vereador Adelar Neumann, de Marechal Cândido Rondon, não foi aprovado na noite desta quarta-feira (31).

Para que fosse determinado pedido de cassação eram necessários nove votos favoráveis, o que não aconteceu.

Antes da votação ser iniciada, nove parlamentares decidiram que o vereador Valmor Mergener poderia participar. Ele é testemunha de acusação do processo.

Já durante a votação o suplente André Soffa mostrou o voto, o que era proibido conforme determinação judicial. A votação foi interrompida e anulada.

O resultado final foi: seis votos favoráveis, três contrários e quatro nulos.

ENTENDA O CASO

Adelar Neumann é acusado de exigir parte de salário de funcionário comissionado da Prefeitura.

Ele foi preso no dia 4 de fevereiro deste ano, durante operação decorrente de investigações do Gaeco – Núcleo de Foz do Iguaçu, em conjunto com a 2ª Promotoria de Justiça da Comarca de Marechal Cândido Rondon.

Adelar nega a acusação e afirma que o dinheiro era parte do pagamento de um empréstimo. Ele foi solto em 25 de março para responder ao processo em liberdade e reassumir o cargo na Casa de Leis.

Catve

Separamos Para Você

Rolar para cima