Veco Noticias

Marco Ruben perde pênalti no final e Athletico perde para o Boca Juniors na Arena

O Athletico-PR lutou, mas perdeu por 1 a 0 para o Boca Juniors nesta quarta-feira (24) e saiu em desvantagem nas oitavas de final da Libertadores. O jogo da ida, realizado na Arena da Baixada, foi decidido com o gol do meia Mac Allister. Nos acréscimos da etapa final, o atacante Marco Ruben ainda desperdiçou uma penalidade a favor do Furacão.

A partida decisiva acontece na próxima quarta-feira (31), às 21h30 (horário de Brasília), na Bombonera. Vale lembrar que o gol fora de casa é critério no torneio. Ou seja, o Furacão precisa vencer por 2 a 0 para avançar às quartas de final.

O GOL

Assista o gol anotado por Mac Allister e o pênalti perdido por Marco Ruben. O atacante argentino é o artilheiro da Libertadores ao lado de Adrian Martínez, mas acabou acertando a trave do goleiro Andrada.

O JOGO

O Athletico foi surpreendido e viu o Boca ter as principais chances de marcar no primeiro tempo. A sorte rubro-negra foi que o atacante Ramón Ábila perdeu duas chances claras. Aos 9, o ex-centroavante do Cruzeiro enrolou para finalizar e acabou sem ângulo. Já aos 29, o argentino recebeu cara a cara com Santos, mas o goleiro athleticano fez a defesa.

Santos foi fundamental na primeira etapa. Foto: Divulgação / Athletico

No ataque, apenas dois arremates perigosos. Aos 24, Bruno Guimarães bateu firme, de canhota, para a bola triscar o travessão. Já aos 40, Nikão viu seu chute tirar tinta da trave.

Na etapa final, o Furacão melhorou e criou mais chances. Aos 15, Marco Ruben soltou o ‘uh’ da galera. O atacante cabeceou com perigo e a bola passou perto do gol argentino. Aos 23, o goleiro Andrada fez grande defesa em chute de Bruno Guimarães.

No entanto, quem balançou as redes foi o Boca. Tevez passou para Mac Allister e o meia arriscou de longe. A bola desviou em Pedro Henrique e encobriu o goleiro Santos. Detalhe: o jogador de 20 anos fez sua estreia pelo clube argentino. Ele chegou por empréstido do Brighton nesta janela e defenderá o Boca por um ano.

O Athletico tentou o sufoco final e conseguiu um pênalti assinalado pelo VAR. Marco Ruben foi para a cobrança, mas carimbou a trave e desperdiçou a chance do Furacão levar o empate para a Argentina.

BRASILEIRÃO

Antes do jogo da volta, o Athletico-PR volta a focar no Brasileirão. O time enfrenta o Cruzeiro neste sábado (27), às 19h, no Mineirão.

Paraná Portal

Separamos Para Você

Rolar para cima