Veco Noticias

Athletico atropela o Vasco e começa bem no Brasileirão

Athletico venceu o Vasco por 4 a 0 neste domingo (28) e largou com o pé direito no Campeonato Brasileiro 2019. Bruno GuimarãesMarco Rúben, o zagueiro Werley, contra, e Nikão anotaram os gols do triunfo rubro-negro, enquanto Bruno César descontou. 12.939 pessoas acompanharam o duelo na Arena da Baixada.

O time athleticano começa o torneio nacional como vice-líder provisório. O Ceará venceu o CSA por 4 a 0 e superou os paranaenses. Restam apenas dois jogos para fechar essa rodada: Fluminense x Goiás e Palmeiras x Fortaleza se enfrentam às 19h.

O placar só não foi mais elástico pelo goleiro Alexander. O vascaíno teve uma ótima atuação, realizando pelo menos quatro defesas difíceis. Fora isso, o placar foi construído com naturalidade pelo Furacão.

Na próxima rodada, o Rubro-Negro viaja para enfrentar o Fortaleza. A partida acontece nesta quarta-feira (1), às 21h30, no Castelão. No mesmo dia e horário, os cariocas recebem o Atlético Mineiro, em São Januário.

 

 

Marco Rúben estreou na Série A com um gol e uma assistência.Foto: Geraldo Bubniak / AGB

O JOGO

O Vasco não suportou a pressão inicial do Athletico e o primeiro gol saiu logo aos dois minutos. Tomás Andrade deu bom passe para infiltração de Bruno Guimarães e o volante tocou para Marco Rúben. O atacante não conseguiu completar, mas Bruno apareceu para conferir e iniciar a contagem.

O Vasco reagiu e chegou a equilibrar a partida, mas sofreu o segundo gol antes do intervalo. Aos 43, Tomás Andrade cruzou e Renan Lodi cabeceou na trave. No rebote, Marco Rúben foi mais rápido que a defesa vascaína para empurrar a bola às redes.

Na etapa final, o Athletico teve um pênalti anulado pelo árbitro de vídeo. Renan Lodi caiu na área depois do choque com Yago Pikachu, mas o juiz Luiz Flávio de Oliveira viu o replay do lance e anulou a marcação inicial.

O terceiro gol saiu aos 20. Depois do cruzamento na área, Rony cabeceou para o meio e Werley acabou mandando contra a própria meta.

O domínio rubro-negro foi transformado em goleada aos 40. Rony ganhou da zaga na velocidade e encontrou Nikão livre de marcação. O camisa 11 pegou com calma e fez a festa na Baixada.

O gol de honra dos visitantes saiu três minutos mais tarde. Yan Sasse cruzou e Marrony ajeitou para Bruno César soltar uma pancada.

Paraná Portal

Separamos Para Você

Rolar para cima