Veco Noticias

São Paulo perde para o Guarani, é vaiado e vê pressão aumentar perto da estreia na Libertadores

Com atuação discreta, Tricolor não consegue furar o bloqueio do Bugre no Pacaembu. Equipe de Campinas derruba o segundo gigante do estado no Paulistão.

 

RESUMÃO

 

E AGORA?

Depois de perder o clássico contra o Santos, o São Paulo acumulou nesta quinta-feira mais uma derrota no Campeonato Paulista e ouviu as primeiras vaias da torcida em 2019. Com um gol de William Matheus logo no primeiro minuto de jogo, o Tricolor perdeu por 1 a 0 para Guarani e viu a pressão aumentar ainda mais para a estreia na Copa Libertadores, diante do Talleres, quarta que vem, na Argentina.

CLASSIFICAÇÃO

Apesar das duas derrotas consecutivas, o São Paulo continua na liderança do Grupo D do Paulistão, com seis pontos. Oeste (cinco), Ituano (quatro) e Botafogo (um) completam a chave. O Guarani, que já havia derrotado o Corinthians, sobe para seis pontos, em terceiro no Grupo B.

PRIMEIRO TEMPO

O Guarani precisou de apenas um minuto para ficar em vantagem e obrigar o São Paulo a mudar sua estratégia de jogo. William Matheus aproveitou descuido da marcação em escanteio e marcou de cabeça. Com o Bugre recuado, o Tricolor controlou a partida e precisou de paciência para furar o bloqueio. O time insistiu bastante com Everton, pela esquerda, mas não conseguiu tirar proveito da presença de Pablo e Diego Souza na área. Os zagueiros Ferreira e Diego Giaretta fizeram bom jogo no confronto com os atacantes. Mesmo assim, o São Paulo teve boas chances. Reinaldo cobrou falta e carimbou o travessão. Helinho e Diego Souza também tiveram boas oportunidades e mandaram para fora. Pablo marcou em impedimento, bem marcado pela arbitragem.

SEGUNDO TEMPO

O São Paulo continuou com problemas para passar pela marcação na etapa final. A equipe tocou a bola em busca de espaços, mas, sem força de ataque pelo meio, exagerou nos cruzamentos para a área e facilitou a vida da defesa do Guarani. Após os pedidos da torcida, já impaciente, André Jardine tirou o zagueiro Anderson Martins e colocou o meia Hernanes, mas o Profeta apareceu muito pouco. Logo em seguida, Diego Souza perdeu um gol incrível. Depois de parar em grande defesa de Klever, o atacante pegou o rebote na pequena área e chutou torto. Nem a entrada de Nenê melhorou a equipe da capital. O time ainda jogou os últimos 15 minutos com dez jogadores, já que Liziero saiu lesionado, e Jardine já havia feito as três alterações. Hernanes, aos 42, parou no goleiro Klever no último lance de perigo.

PÚBLICO E RENDA

Público: 11.498 torcedores (12.762 total).

Renda: R$ 292.238,50.

PRÓXIMOS JOGOS

O São Paulo recebe o São Bento, domingo, às 17h, no Pacaembu. O Guarani visita o Mirassol, domingo, às 11h.

Globo Esporte

 

Separamos Para Você

Rolar para cima